Em breve, estrearei um novo espetáculo, na trajetória artística será meu terceiro solo (embora, não se possa chamar este de solo) com o palhaço Pacacoenco. Revisito e transmuto espaços do meu ser. Incômodos florescem e alegrias aparecem. Uma montagem artística é repleta de pequenas vitórias e pequenos fracassos. Com a finalidade de tocar o público de alguma maneira. No meu caso é tudo per ludumper jocum (por brincadeira, por prazer). Tocar as pessoas no que existe de brincante em cada uma. Nos dias 17, 19 e 20 de fevereiro de 2022 veremos o que acontece…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 − 11 =

Charles Augusto
×